Wikipédia:Artigos bons

Esta estrela prateada simboliza os artigos bons da Wikipédia em português

Artigos bons na Wikipédia

Esta página contém uma lista de artigos que a comunidade da Wikipédia lusófona avaliou e identificou como artigos de boa qualidade ou que passaram por um processo de revalidação e foram removidos por não mais atingirem o nível de destaque.


Considerando que a Wikipédia lusófona possui atualmente um número total de 997 783 artigos, entre os quais estão 1059 destacados e 1263 bons, pode-se afirmar que, de modo aproximado, 1 de cada 790 artigos (aproximadamente 0.127%) são exclusivamente desse nível e 1 de cada 430 artigos cumprem com os critérios de avaliação (aproximadamente 0.233%).


As edições da Wikipédia em outras línguas possuem também artigos bons que podem ajudar a melhorar o conteúdo da Wikipédia em português. A existência de um artigo bom noutra língua pode ser detectada através da presença de uma pequena estrela (Cscr-featured2.png) na coluna das ligações interlinguísticas de cada artigo.


Veja um artigo bom aleatório clicando aqui!

Conteúdo destacado:

Conteúdo bom:

Revalidação:

Arquivo cronológico: 2009201020112012201320142015201620172018

Artigo bom aleatório


Argentodites coloniensis é um possível mamífero multituberculado do Cretáceo da Argentina. É a única espécie do género Argentodites e é apenas conhecido a partir de um único quarto pré-molar inferior (p4) em forma laminar, proveniente da formação La Colónia, que corresponde a praticamente ou inteiramente à idade Maastrichtiana (o último andar faunal do Cretácico). A medida do p4 é de 4,15 mm de comprimento e apresenta seis cúspides na margem superior e largas cristas associadas em ambos os lados. O esmalte é composto por prismas que estão total ou parcialmente cobertos por uma bainha, situados a uma distância de 6,57 μm um do outro. Zofia Kielan-Jaworowska descreveu e deu nome ao fóssil em 2007. Baseando-se na forma do dente e características do esmalte, sugeriu que se tratava de um multituberculado e possivelmente um cimolodonta (um grupo de mamíferos maioritariamente boreais que chegaram à Argentina a partir da América do Norte). No entanto, em 2009, duas equipas de investigadores argumentaram que Argentodites podia ser similar ou idêntico ao ferugliotério, um membro do pequeno grupo austral dos gondwanatérios. Apesar de a sua afiliação ser ainda um tema controverso, existe a possibilidade de o próprios gondwanatérios terem sido multituberculados. (ler mais...)

Conteúdo