Quirguistão
English: Kyrgyzstan

Кыргыз Республикасы (quirguiz)
(Kyrgyz Respublikasy)
Кыргызская Республика (russo)
(Kyrgyzskaya Respublika)

República Quirguiz
Bandeira do Quirguistão
Selo da República Quirguiz
BandeiraBrasão de armas
Lema: não tem
Hino nacional: Кыргыз Республикасынын Мамлекеттик Гимни
("Hino Nacional da República Quirguiz")
Gentílico: quirguiz;[1]
ou quirguistanês(esa)

Localização do Quirguistão

Localização do Quirguistão
Capital74° 34' E
Cidade mais populosaBisqueque
(Pop. 2015: 937 400)
Língua oficialQuirguiz

Língua co-oficial: russo

GovernoRepública parlamentarista
 - PresidenteSooronbay Jeenbekov
 - Primeiro-ministroMuhammetkaliy Abulgaziyev
Independênciada União Soviética 
 - Declarada31 de agosto de 1991 
 - Completada25 de dezembro de 1991 
Área 
 - Total199.951[2] km² (86.º)
 - Água (%)3,6
 FronteiraCazaquistão, China, Tajiquistão e Uzbequistão
População 
 - Estimativa para 20055.300.000[2] hab. (111.º)
 - Censo 20095 362 800 hab. 
 - Densidade26 hab./km² (176.º)
PIB (base PPC)Estimativa de 2005
 - TotalUS$ 10,764 bilhões USD (134.º)
 - Per capitaUS$ 2100 USD[2] (140.º)
IDH (2017)0,672 (122.º) – médio[3]
MoedaSom quirguiz (KGS)
Fuso horário+6 (UTC+6)
 - Verão (DST)KGT
Cód. Internet.kg
Cód. telef.+996

Mapa do Quirguistão

O Quirguistão[4][5][6][7] (em quirguiz: Кыргызстан, translit.: Kırgıstan pronunciado: [qɯrʁɯsˈstɑn]; em russo: Кыргызстан , translit.: Kyrgyzstan), por vezes Quirguizistão ou ainda Quirguízia,[8] oficialmente República Quirguiz[9] (em quirguiz: Кыргыз республикасы, translit.: Kırgız Respublikası; em russo: Кыргызская Республика, translit.: Kyrgyzskaya Respublika), é um país da Ásia Central, ex-integrante da antiga União Soviética. Tem fronteira ao norte com o Cazaquistão, a oeste com o Uzbequistão, a sul com o Tajiquistão e a leste com a China. Sua capital é Bisqueque, a maior cidade do país.

A história do Quirguistão remonta a mais de 2000 anos, abrangendo uma variedade de culturas e impérios. Apesar de geograficamente isolado por seu terreno montanhoso - o que tem ajudado a preservar sua cultura milenar - o Quirguistão tem sido colocado historicamente na encruzilhada de várias grandes civilizações, ou seja, como parte da Rota da Seda e outras rotas comerciais e culturais. Embora longamente habitado por uma sucessão de tribos e clãs independentes, o Quirguistão caiu periodicamente sob a dominação estrangeira, devido à sua localização estratégica, atingindo soberania como um Estado soberano somente após a dissolução da União Soviética, em 1991.

Desde a independência, o Quirguistão é oficialmente uma unitária república parlamentar, embora continue a suportar conflitos étnicos,[10][11] revoltas populares,[12] problemas econômicos,[13][14] governos de transição[15] e crises de partidos políticos.[16] O país é membro da Comunidade dos Estados Independentes (CEI), da União Econômica Eurasiática (UEE), da Organização do Tratado de Segurança Coletiva (OTSC), Organização para Cooperação de Xangai, a Organização para a Cooperação Islâmica (OCI), da Organização Internacional da Cultura Turca (TÜRKSOY) e da Organização das Nações Unidas (ONU).

A maioria dos 5,7 milhões de habitantes do país são etnicamente quirguizes, seguido por minorias significativas de uzbeques e russos. A língua oficial é o quirguiz, que está intimamente relacionada com as outras línguas turcas, embora a língua russa também seja falada por uma parte minoritária da população, como parte do legado de uma política secular de russificação. A religião muçulmana é maioritária/majoritária no país, representando cerca de 64% da população religiosa.[17] Além de suas origens turcas, a cultura do Quirguistão é composta por elementos de origem persa, mongol e de influência russa.

História

Ver artigo principal: História do Quirguistão

Inicialmente habitado por tribos iranianas como os sogdianos por muitos séculos e depois por imigrantes turcos vindos da Anatólia, as terras do Quirguistão faziam fronteira com a Pérsia.

O Quirguistão foi anexado ao Império Russo em 1864-66 quando foram conquistados os canatos da Ásia Central. À época, a região era conhecida como Quirguízia. O país conquistou sua independência com o colapso da União Soviética em 1991.