País subdesenvolvido

Os países menos desenvolvidos do mundo (em azul) de acordo com os critérios estabelecidos pela Organização das Nações Unidas.

País subdesenvolvido, país menos avançado[1] ou país menos desenvolvido (LDCs sigla em inglês: Least Developed Countries ) são países que, de acordo com a Organização das Nações Unidas, apresentam os mais baixos indicadores de desenvolvimento socioeconômico e humano entre todos os países do mundo. Um país é classificado como um país menos desenvolvido se preencher três critérios[2] com base em:

Os países podem sair da classificação de LDC quando excederem esses critérios. O Escritório do Alto Representante das Nações Unidas para os Países Menos Desenvolvidos, Países em Desenvolvimento sem litoral e Pequenos Estados Insulares em Desenvolvimento das Nações Unidas coordena e fornece suporte para serviços de advocacia aos Países Menos Desenvolvidos. A classificação atualmente aplica-se a 49 países em todo o planeta.[3]

Em 2007, as Nações Unidas retiraram Cabo Verde da categoria de Países Menos Desenvolvidos, sendo a segunda vez que isso aconteceu a um país.[4] As Maldivas[5] e a Samoa[6] foram os últimos países a se graduarem a países em desenvolvimento, nos anos de 2011 e 2014, respectivamente. O primeiro país a sair da classificação de LDC foi Botsuana, em 1994. Segundo os relatórios da UNCTAD em 2011, Tuvalu e Vanuatu são os próximos postulantes que poderão graduar-se deste modo. A Guiné Equatorial foi tirada da classificação de país subdesenvolvido em 2017.[7][8]