Investimento

Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo(a) o termo utilizado na psicanálise, veja catexia.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Julho de 2017). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser acadêmico)

Em economia, em linhas gerais, investimento significa a aplicação de capital com a expectativa de um benefício futuro.[1][2]

O investimento produtivo se realiza quando a taxa de lucro sobre o capital supera ou é pelo menos igual à taxa de juros ou quando os lucros sejam maiores ou iguais ao capital investido. O investimento bruto corresponde a todos os gastos realizados com bens de capital (máquinas e equipamentos) e formação de estoques. O investimento líquido exclui as despesas com manutenção e reposição de peças, depreciação de equipamentos e instalações. Como está diretamente ligado à compra de bens de capital e, portanto, à ampliação da capacidade produtiva, o investimento líquido mede com mais precisão o crescimento da economia.[3]

Em finanças, existem também os chamados investimentos financeiros, tais como ações, caderneta de poupança, etc., que são uma área específica destinada às finanças pessoais.[4]

Classificação dos investimentos

Independentes/dependentes

Dois investimentos A e B dizem-se independentes quando as receitas líquidas de um não são influenciadas pelas receitas líquidas do outro.

São dependentes quando as receitas líquidas forem afectadas pela realização do outro. Dentro desta classificação, podemos considerar os investimentos complementares, concorrentes ou mutuamente exclusivos.

Complementares – quando a influência for positiva; Concorrentes – quando a influencia for negativa; Mutuamente exclusivos - a realização de um exclui a realização do outro.

Convencionais/não convencionais

Convencionais – Quando apresenta um ou mais períodos de despesas líquidas seguido de um ou mais períodos de receitas líquidas.

Não convencionais - No caso contrário, isto é, receitas e despesas intercaladas no tempo.

Grande/Pequeno

Um investimento é grande ou pequeno conforme a sua influência no sistema de preços.

Inovação/Substituição/Expansão/Estratégico

Inovação – Tem, por objectivo, a produção e lançamento de novos produtos. Assim sendo, estes podem ser estudos de mercados e a evolução prevista, determinação de encargos ou estudo da concorrência e as suas prováveis acções.

Investimento de substituição – São os mais frequentes nas empresas, não aumentam a capacidade da empresa e são os que apresentam menos incerteza.

Investimento de expansão – Estes investimentos aumentam a capacidade da empresa sem mudar a natureza dos seus produtos. Um acréscimos de despesas que corresponde a um aumento das receitas.

Investimentos estratégicos – Não têm, por objecto, aumentar directamente a rentabilidade da empresa, mas sim promover a as condições favoráveis à sua prosperidade e ao êxito dos projectos anteriormente referidos.