História da Rússia

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde dezembro de 2014). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser acadêmico)
História da Rússia
Flag of Russia.svg
Eslavos orientais
Cazares
Rússia de Quieve
Principado de Vladimir-Susdália
Bulgária do Volga
Invasão Mongol
Canato da Horda Dourada
Grão-Principado de Moscou
Canato de Cazã
Czarado da Rússia
Opríchnina
Império Russo
Revolução de 1905
Revolução de 1917
Revolução de Fevereiro
Revolução de Outubro
Guerra Civil
União Soviética
Era Stalin
Era Khrushchov
Era da Estagnação
Corrida espacial
Perestroika e Glasnost
Federação da Rússia

A história da Rússia começou quando os primeiros homens pré-históricos foram viver na região até os dias de hoje.

Pré-história da Rússia

Depois dos habitantes pré-históricos da região hoje denominada Rússia, apareceram no sul da Rússia os Citas de língua iraniana.[1]

Habitantes da planície do Leste Europeu

Muitos povos de diversas etnias migraram para a planície central europeia. Porém os eslavos, que chegaram posteriormente, gradualmente se tornaram dominantes.

Muito antes da organização da Rússia de Quieve, povos indo-arianos viveram na área que hoje é a Ucrânia. O mais conhecido destes grupos era o dos nômades Citas, que ocuparam a região do século VI a.C. até o século II d.C. e cujas habilidade nas guerras e na cavalaria eram notáveis. Entre o século I d.C. e o século IX, godos e nômades hunos, avaros e magiares atravessaram a região em suas migrações. Apesar de muitos deles terem subjugado os eslavos na região, aquelas tribos deixaram pouca coisa de significativo. Mais importante neste período foi a expansão dos eslavos, que foram agricultores, criadores de abelhas, e também caçadores, pescadores e pastores. Por volta do século VI, os eslavos eram o grupo étnico predominante na planície do leste europeu.

Distribuição moderna das etnias eslavas

Pouco se sabe sobre a origem dos eslavos. Filólogos e arqueólogos creem que os eslavos se estabeleceram muito cedo nos Cárpatos ou na região da atual Bielorrússia. Por volta do ano 600, eles já haviam se separado linguisticamente em ramos ao sul, a oeste e a leste da região. Os eslavos do leste se estabeleceram ao longo do rio Dniepre no que é hoje a Ucrânia; posteriormente se estenderam para o norte do vale do rio Volga, a leste da atual Moscou (Moscovo), e para oeste, até o norte das bacias dos rios Dniestre e Buga, nas atuais Moldova e sul da Ucrânia. Nos séculos VIII e IX da Era Cristã, muitas tribos eslavas do leste pagavam tributo aos cazares, um povo de língua turca que adotou o judaísmo no final dos séculos VIII ou IX, e que viveram ao sul do rio Volga e no Cáucaso.

Eslavos do leste e varegues (Väringar)

Varegues recebidos por eslavos

Por volta do século IX, guerreiros e comerciantes da Escandinávia, chamados "varegues" (väringar), (mais habitualmente conhecidos como viquingues), já tinham penetrado nas terras eslavas do leste. Eles ocasionalmente combatiam o povo local, conhecido por eles como rus, e utilizavam os vencidos como escravos, ou slav. Acredita-se que os termos "russo" e "eslavo" tenham sido cunhados ou adaptados pelos escandinavos, dos quais os termos usados atualmente tenham se originado.