Henry George

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde abril de 2018). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser acadêmico)
Henry George
Nascimento2 de setembro de 1839
Filadélfia
Morte29 de outubro de 1897 (58 anos)
Nova Iorque
SepultamentoGreen-Wood Cemetery
CidadaniaEstados Unidos
Ocupaçãoeconomista, filósofo, escritor, jornalista, editor
Causa da mortehemorragia intracerebral

Henry George (Filadélfia, 2 de setembro de 1839 - Nova Iorque, 29 de outubro de 1897) foi um economista dos Estados Unidos e o representante mais influente dos defensores da Single Tax (imposto único ou imposto simples) sobre o solo, com o intuito de «conformar os arranjos sociais com as leis naturais »[1] e remediar a desigualdade de rendimento, o desemprego e as crises económicas que surgem paradoxalmente com o progresso económico.

Inspirou a filosofia e a ideologia económica conhecida como Georgismo, que defende que cada um possui o que cria, mas que tudo o que se encontra na natureza, e o mais importante, o solo ou terra, pertence igualmente a toda a humanidade. Foi autor do livro Progress and Poverty (Progresso e Pobreza), escrito em 1879.

Referências

  1. George, Henry. The writings of Henry George (vol. 3) ; Social Problems, chap. XIX, The First great reform. New York : Doubleday and McClure Company, 1898, p. 213. [1]